Saiba o que é SCM e entenda sua importância

Publicado em 23 de março de 2022

Com a necessidade de fazer entregas de produtos ou serviços que agreguem cada vez mais valor à jornada de compra do cliente, os processos de SCM (Gestão da Cadeia de Suprimentos) se tornaram indispensáveis para as empresas.

Se você não sabe o que é SCM e como esse tipo de gestão funciona, acompanhe este conteúdo para entender mais sobre o assunto e conhecer 5 softwares que você pode utilizar para otimizar esses processos.

Para começar a falar sobre SCM, você precisa entender do que se trata a cadeia de suprimentos.

A cadeia de suprimentos, ou “Supply Chain”, é a rede que engloba todos os agentes e atividades envolvidas na entrega de um produto ou serviço para o consumidor final.

Isto é, fornecedores de matérias-primas, armazenamento, compras, estoque, sistemas de gestão, inclusive financeira e de vendas, manufatura, manutenção, prestadores de serviços, distribuidoras, transportadoras e até mesmo o próprio cliente, que contribui com seus feedbacks durante sua jornada de compra.

Manter toda a cadeia de suprimentos funcionando a todo vapor, como você pode ver, requer muito trabalho, comunicação, eficiência e planejamento, responsabilidades essas que fazem parte dos processos de SCM.

O que é SCM?

Imagem com diversos círculos com desenhos de coisas relativas ao SCM. Abaixo a o logo da B2B Stack e toda a imagem possui tons de azul

SCM (Supply Chain Management), ou na tradução literal “Gestão da Cadeia de Suprimentos”, trata-se de um processo que integra o planejamento, execução e gerenciamento de toda a cadeia de suprimentos de uma empresa.

Nas práticas de SCM todas as atividades dessa cadeia precisam ser estruturadas em conjunto, com o objetivo de entregar produtos ou serviços cada vez mais qualificados para os clientes, assim como para fazer este envio de forma ágil.

O SCM garante às empresas a possibilidade de proporcionar a melhor jornada de compra para os usuários, e por consequência, a otimização da experiência do cliente, aumentando a probabilidade dele se manter fiel à marca.

Mas não é só isso. O SCM é fundamental para que as empresas não sofram com a falta de insumos, possibilitando sua adequação rápida às mudanças do mercado.

Podemos citar neste cenário a chegada da pandemia de COVID-19 e a alta do dólar, que desencadearam a falta de insumos nacionais, bem como dificultaram a importação de insumos internacionais, e chegou a atingir 73% das indústrias, demonstrando a vulnerabilidade presente nesses processos.

Neste caso, por exemplo, a lentidão para entregar um produto ao consumidor final se dá por fatores externos, e não internos, no entanto, os impactos poderiam ser minimizados com uma visibilidade macro da cadeia de suprimentos da empresa.

Outro estudo divulgado recentemente demonstrou que as interrupções na cadeia de suprimentos podem ocasionar uma perda financeira de 62%, e acredite se quiser, apenas 6% das empresas entrevistadas disseram ter visibilidade total sobre ela.

Outro dos maiores benefícios do SCM é que este tipo de gestão evita o desperdício de recursos, que vão desde as matérias-primas até a perda de tempo e dinheiro.

Como funciona SCM?

Como você viu anteriormente, o SCM precisa integrar a gestão de toda a cadeia de suprimentos de uma empresa, visando o controle total sobre os fluxos de recursos e produtos.

Isto é, todos os processos relacionados desde o planejamento e fabricação de um produto e seu armazenamento, até o controle financeiro dos pedidos, seu envio para o consumidor final e ciclo de vida, precisam ser observados e tratados de forma integrada.

Muitos confundem logística com cadeia de suprimentos, no entanto, a logística é apenas parte dessa rede, que envolve muito mais processos e pessoas.

Com a chegada da indústria 4.0, ocasionada pela 4ª Revolução Industrial, a gestão da cadeia de suprimentos precisou passar por mudanças, tendo agora como foco a experiência do cliente, assim como a inovação e agilidade dos processos através das ferramentas tecnológicas.

Isso porque com tanta concorrência no mercado, as empresas que não adaptarem o pré e pós-vendas para as exigências do cliente, que incluem a entrega rápida dos seus pedidos, o preço e a qualidade do produto, vão acabar ficando para trás.

Portanto, de forma bem simplificada, podemos dizer que o SCM passa pelas etapas de planejamento (que inclui dados e informações), compras, produção e distribuição, na qual devem se encaixar:

  • Levantamento dos dados da empresa: satisfação dos clientes, tempo médio para lançamento de um produto, métricas de logística e compras, entre outras;
  • A gestão eficiente dos pedidos de vendas e chão de fábrica, para dar conta da oferta e demanda, assim como para evitar gastos excedentes quando há baixo volume de pedidos;
  • Gerenciamento constante do estoque e inventário da empresa, tanto de matérias-primas quanto do produto final;
  • Controle financeiro sobre cobranças, compras, impostos e fretes, possibilitando que a empresa adapte os preços conforme as flutuações do mercado ou necessidades do cliente;
  • Gestão e comunicação constante com fornecedores e distribuidores, para possibilitar sua substituição rápida quando necessário.

Boas práticas de SCM

As boas práticas de SCM podem apoiar seu negócio quando ele mais precisar:

Quando se perde parceiros de negócio, quando há a necessidade de ajustar custos de fretes e envios, quando se tem oscilações no mercado, seja nacional ou internacionalmente, e principalmente, quando se deseja ser referência para os clientes, estabelecer sua marca, e ser escolhido de olhos fechados pela sua eficiência operacional.

Acompanhe nos próximos tópicos algumas das boas práticas de SCM que você pode implementar no seu negócio.

Planejamento

O planejamento é o primeiro passo para que você consiga ter eficiência em qualquer estratégia.

Então, nessa etapa é preciso arregaçar as mangas, planejar seus canais de vendas e distribuição, entender as demandas do seu setor, principalmente por região, para não deixar faltar o que for necessário para entregar aos seus produtos ou serviços da melhor maneira possível.

Para isso, use softwares de gestão de projetos, capacite e integre suas equipes, colete dados do seu negócio, feedbacks de clientes, e reúna o máximo de informações para entender quais são os pontos fortes e fracos da sua cadeia de suprimentos, para assim, poder melhorá-los.

Uso das ferramentas certas

O uso das ferramentas certas será fundamental nas suas estratégias de SCM. Portanto, você vai precisar disponibilizar um tempo para pesquisar as mais adequadas para o seu negócio.

Mas, não precisa perder muito tempo com essa pesquisa não! Nosso portal B2B Stack fez este trabalho por você!

Categorizamos milhares de soluções e você pode usar nossa plataforma para buscar os mais diferentes tipos de softwares B2B, ver avaliações de usuários reais, comparar ferramentas e suas funcionalidades, e ainda solicitar o contato dos desenvolvedores para obter mais informações e demonstrações.

Você também pode usufruir da inteligência artificial da B2B Stack para receber recomendações dos softwares perfeitos para suas necessidades!

Painel da B2B Stack mostrando como o usuário pode acessar e mexer em seu perfil

O ideal para as práticas de SCM é apostar nos softwares ERP, que são capazes de fazer todas as integrações necessárias para os seus processos da cadeia de suprimentos.

Então não deixe de visitar a categoria de softwares ERP no nosso portal, para descobrir ferramentas para indústria, varejo, ERPs gratuitos, e muito mais!

Defina e monitore os fornecedores

Definir os melhores fornecedores será essencial para garantir que você não sofrerá impactos negativos quando houver cenários de desabastecimento de insumos.

Por isso, ao escolher os melhores fornecedores para o seu negócio, utilize ferramentas de comunicação para manterem-se sempre alinhados sobre as demandas uns dos outros, bem como sobre as mudanças que precisarão ocorrer constantemente para melhorar a experiência de compra do cliente.

Gerencie suas vendas e preveja resultados

As ferramentas de vendas serão muito importantes para que você consiga gerenciar desde o seu funil de vendas, até os pedidos de clientes, e obter previsibilidade das quantidades de vendas futuras.

Dessa forma, você economiza recursos que não serão necessários no momento, e consegue ter assertividade sobre a gestão dos seus estoques.

Dica B2B Stack: 5 soluções de SCM

Agora que você sabe o que é e como funciona o SCM, vamos te apresentar 5 ferramentas que permitem a integração dos seus processos, equipes e parceiros de negócio. Saiba mais sobre as seguintes soluções:

  • Microsoft Dynamics 365;
  • Oracle Fusion Cloud SCM;
  • Mulesoft;
  • SAP SCM;
  • Infor SCM.

Microsoft Dynamics 365

Logo do Microsoft dynamics 365 que é utilizado para processos de SCM

Microsoft Dynamics 365 é um conjunto de aplicativos da Microsoft que você pode contratar conforme as necessidades de integração de processos, que fornecem ferramentas para vendas, marketing, finanças, atendimento ao cliente, comércio e cadeia de suprimentos.

A solução de SCM do Microsoft Dynamics 365, denominada Digital Supply Chain, funciona com inteligência artificial para fornecer insights preditivos sobre pedidos e interrupções da cadeia de fornecedores, minimizando riscos e melhorando a gestão dos seus ativos.

Além disso, o aplicativo possui recursos de realidade misturada (realidade virtual + realidade aumentada) e IoT para otimizar o chão de fábrica, a gestão do ciclo de vida dos ativos e suas manutenções preditivas.

Todos os aplicativos do Dynamics 365 podem ser integrados para que você obtenha trabalhos e análises sincronizadas, e extraia todos os dados necessários para planejar seus processos SCM.

Oracle Fusion Cloud SCM

Logo daOracle na cor vermelha

Oracle Fusion Cloud SCM é um produto da Oracle que permite gerenciar a cadeia de suprimentos do seu negócio, bem como os processos de manufatura.

Com o Oracle Fusion Cloud SCM você consegue reduzir interrupções na sua cadeia de suprimentos, planejar a produção de acordo com as demandas de pedidos, fazer manutenções preditivas e preventivas, contando com recursos de inteligência artificial, blockchain e IoT.

Para gerenciar seu inventário, o Oracle Fusion Cloud fornece ferramentas de gestão de materiais e custos, permitindo uma análise financeira sobre o seu estoque e cadeia de suprimentos.

Outros recursos do software são a gestão do ciclo de vida do seu produto, gestão de compras e logística, e a obtenção de insights analíticos utilizando Machine Learning.

Mulesoft

Logo da empresa Mulesoft que é utilizado por pessoas SCM. O logo possui a cor azul a do lado esquerdo do nome á um círculo com um M ao centro

MuleSoft é uma plataforma de integrações para quem precisa conectar toda sua cadeia de suprimentos.

No MuleSoft você pode fazer integrações entre softwares, plataformas e aplicativos de diferentes fornecedores e distribuidores diretamente com as ferramentas que você já possui, com o uso de APIs.

O MuleSoft também permite a integração com outros tipos de sistemas, como de marketing, sistemas bancários e financeiros, para que você obtenha análises sincronizadas sobre todos os processos, facilitando os planejamentos de SCM.

SAP SCM

Logo da Empresa SAP. O logo possui o nome dentro de uma forma geométrica de cor azul

SAP SCM é um software que permite planejar e gerenciar toda sua cadeia de suprimentos de forma integrada, e que auxilia na economia de custos e na redução do desperdício de materiais.

O SAP SCM fornece recursos de inteligência artificial, Machine Learning e IoT para manufatura e análises de dados, e entre suas funcionalidades estão a gestão de estoque e inventário integrada com as vendas, gestão de compras e de fornecedores e gestão do ciclo de vida do produto, com cálculo de custos, engenharia de produtos e mais..

Além disso, o SAP SCM permite o planejamento de peças de reposição, análises e manutenções preventivas, evitando atrasos nas entregas e ganhando eficiência nos processos.

Infor SCM

Logo da empresa infor escrito com a letra branca e com o fundo de cor vermelha

Infor CloudSuite SCM é uma plataforma de gestão de cadeias de suprimento, que permite integrar seus parceiros de negócio nacionais ou globais, e as ferramentas que você já possui para obter análises em tempo real e também preditivas sobre os seus processos.

Entre as funcionalidades do Infor CloudSuite SCM estão o planejamento de vendas e operações, a programação de produção conforme as demandas, análises preditivas, gestão de logística e de suprimentos e a automação do faturamento do negócio.

• Já usou ou utiliza alguma das ferramentas citadas neste conteúdo? Deixe a sua avaliação no portal B2B Stack e ajude outros usuários a escolherem as melhores soluções para suas demandas!

Conclusão

O SCM (Gestão da Cadeia de Suprimentos) é uma prática de gestão que deve ser adotada por todas as empresas que vendem produtos ou serviços físicos.

Imagine só que um negócio vai lançar um produto ou que está otimista com a quantidade de leads e clientes que suas campanhas de marketing irão gerar.

Se este negócio não tiver uma gestão estratégica sobre sua cadeia de suprimentos, ele não conseguirá atender às altas demandas de vendas esperadas, e por consequência, não entregará valor real aos clientes, gerando insatisfações e sendo descredibilizado diante da concorrência.

Portanto, se você está buscando maneiras de ganhar vantagem competitiva, o SCM é uma das soluções para sua empresa, pois permite a gestão integrada de todos os processos que envolvem o planejamento, produção, venda e distribuição dos seus produtos, garantindo processos e operações mais eficientes, ágeis e de qualidade.

Neste conteúdo você também conheceu 5 soluções de SCM para escolher a mais adequada para implementar na sua empresa: Microsoft Dynamics 365, Oracle Fusion Cloud SCM, Mulesoft, SAP SCM e Infor SCM.

Agora, se você quer otimizar ainda mais processos assim como os de SCM, você não pode deixar de navegar pelo portal B2B Stack para conhecer mais de 23 mil softwares devidamente categorizados, para facilitar sua busca pelas melhores ferramentas do mercado! Mude sua forma de contratar softwares com a B2B Stack!

Publicado por Marcia Lira

Bióloga, apaixonada pela natureza e recém inserida no mundo da tecnologia, acredito no poder gigantesco das ferramentas tecnológicas para melhorar a qualidade de vida das pessoas e do meio ambiente. Nada precisa ser massante e árduo para funcionar, mas sim, inteligente, inovador e prático.


Artigos relacionados