Gerenciador Financeiro PJ: Quais as suas vantagens?

0
22

Investir num Gerenciador Financeiro PJ torna-se mais essencial a cada dia. Pois o sucesso do seu negócio só é possível através de um controle eficiente dos seus recursos financeiros.

Todo o dinheiro movimentado precisa ter seu destino conhecido para que seja possível desenvolver um bom planejamento e permitir que a sua empresa se desenvolva, sem com bons resultados.

Mas pode ser uma tarefa difícil manter esse controle, são poucos os empreendedores que conhecem a verdadeira importância do seu controle financeiro e o sabem fazer corretamente.

Por isso, investir na gestão financeira mostra-se fundamental para que tal processo seja conduzido da melhor maneira possível. E a tecnologia é a sua aliada.

Ela facilita tudo para você e te apresenta o gerenciador financeiro PJ online perfeito para o seu empreendimento, a solução ideal para aliar praticidade e agilidade ao seu dia a dia.

E nós, da B2B Stack, nos preocupamos com o seu negócio e queremos te proporcionar a melhor experiência com a informação.

Se você ainda não conhece essa opção e quais vantagens ela traz, continue lendo este post e confira mais sobre o que o gerenciador financeiro PJ pode fazer por você.

O que é o Gerenciador Financeiro PJ?

O gerenciador financeiro PJ é um sistema disponível para desktops e aplicativos mobile. Trata-se de uma alternativa para você realizar o registro das despesas e ganhos mensais do seu negócio.

É uma grande ajuda na hora de fazer o controle das suas finanças. Além de facilitar a organização do orçamento, esse serviço auxilia na definição de objetivos e economia para realização deles.

Em geral, um gerenciador financeiro deve ser usado para o registro diário das despesas, qualquer que seja ela, para que, ao final do mês,  você consiga ter uma visão completa do orçamento.

Ela se mostra também como uma ótima ferramenta para a definição de gastos, uma vez que será possível perceber cada consumo realizado dentro da sua empresa.

Como funciona um Gerenciador Financeiro PJ?

Falar em gestão financeira faz referência a alguns métodos obsoletos, como as famosas planilhas que ainda são muito utilizadas, principalmente em pequenos negócios.

Mas à medida que o seu empreendimento cresce, torna-se mais complicado manter um controle de forma eficiente e livre de erros. E, nesse contexto, o gerenciador financeiro PJ ganha grande destaque.

O sistema, por ser totalmente online, pode ser acessado de qualquer lugar para que você insira os dados, e consulte todas as suas despesas e receitas quando quiser.

A partir disso, é possível tomar decisões mais efetivas e com menores margens para equívocos, sem que você comprometa a saúde financeira do seu negócio.

Vantagens do Gerenciador Financeiro PJ

Você já sabe quais as funções que um gerenciador financeiro PJ deve ter, então está na hora de conferir as vantagens de adotar esse sistema de gestão financeira na sua organização.

A seguir, separamos uma lista com 7 vantagens de adotar um gerenciador financeiro. Confira!

1. Automatização de processos

A automatização de processos permite que tarefas, antes feitas manualmente, passem a ser efetuadas por sistemas. Por meio de um ERP, esses sistemas integram toda a sua gestão administrativa e financeira.

Consequentemente, você tem a capacidade de comparar os valores lançados no seu controle financeiro e os efetivamente recebidos pela sua empresa.

Com essas ações sendo resolvidas sem o intermédio de alguém, os colaboradores responsáveis podem se dedicar à busca de soluções para outras questões da parte financeira do seu negócio.

2. Ganho de mobilidade

Um bom sistema de gerenciador financeiro PJ conta com uma das principais características referente à inovação tecnológica dos últimos tempos: o armazenamento em nuvem (cloud).

Com isso, qualquer pessoa autorizada pode acessar os dados remotamente através de qualquer dispositivo que esteja conectado à internet, como smartphones, notebooks e tablets.

Isso garante que o gerenciamento de atividade não exija a presença dos responsáveis na sede da empresa. Possibilitando que tudo seja resolvido com mais agilidade, flexibilidade e economia de tempo.

3. Integração de sistemas

Como já mencionamos, os sistemas de gestão financeira online reúnem em um só lugar todas as ferramentas necessárias para manter em ordem todos os dados necessário para o seu controle financeiro.

Logo, você se torna capaz de colocar um fim à desorganização das informações existentes devido ao uso de diferentes plataformas para realizar tal gerenciamento.

As ferramentas variam de um sistema para outro, mas é possível encontrar opções que oferecem a integração de emissores de nota fiscal, geradores de relatórios, controle de estoque e de vendas.

São tantas as opções dentre diversas outras funcionalidades altamente demandadas pelo dia a dia de qualquer negócio.

4. Redução de erros e retrabalho

Qualquer atividade conduzida pelo trabalho humano está mais propensa a erros, que gera um retrabalho. E no caso do gerenciamento financeiro, a situação não é diferente.

Os equívocos podem aparecer de diversas maneiras: desde um número digitado errado até um lançamento incluído por engano ou desatenção.

E o retrabalho é um dos prejuízos que acompanha esse erro, e junto a ele o tempo gasto para identificar a origem do problema e as horas tomadas para deixar tudo em ordem.

Outros problemas gerados com os constantes erros podem estar ligados ao fisco, principalmente se envolverem erros na emissão de notas fiscais e no cálculo de obrigações fiscais.

Você sabe mais do que ninguém o tamanho da dor de cabeça que isso vai dar para o seu controle financeiro.

5. Manutenção e organização do fluxo de caixa

Manter em ordem o fluxo de caixa é uma das coisas mais difíceis para quem administra as finanças de um negócio. Imagina, então, fazer a manutenção dele.

Sem a correta previsão de todo o dinheiro que entra e sai, a sua empresa pode enfrentar graves problemas quando for o momento de honrar suas obrigações rotineiras.

Além de mudar tudo isso, com um gerenciador financeiro PJ, é também possível obter com precisão e rapidez dados sobre determinado período do mês, e os resultados mensais.

Ou, até mesmo, avaliar as perspectivas de lucro ou prejuízo diante dos valores a serem recebidos e pagos nas próximas semanas. E, assim, fica mais fácil tomar decisões estratégicas.

6. Melhora da segurança

Se a sua preocupação é a segurança das informações da sua empresa, fique tranquilo!

Esses sistemas, se desenvolvidos da maneira correta e com as devidas proteções, apresentam chances quase nulas de vazamentos de informações ou perda de dados.

A maioria dos sistemas de gerenciamento financeiro mostram essa precaução e incluem barreiras contra acessos indevidos, backup de servidores e mecanismos de prevenção de clonagem de dados.

Logo, a proteção fornecida por esses serviços é consideravelmente maior que as obtidas com a utilização das defasadas planilhas.

7. Diminuição de imprecisões

Outro problema das planilhas, agravados pelos erros já mencionados, é a imprecisão que pode ocorrer diante de quaisquer informações inseridas de maneira errada.

Basta uma fórmula de cálculo incorreta ou fora do lugar para que as demais informações fiquem todas bagunçadas.

E, com o passar do tempo, o volume de abas, células e colunas do documento tende a aumenta, tornando a sua administração ainda mais problemática.

Reduzindo, assim, consideravelmente a chance de contar com informações precisas na hora em que se faz necessário, resultando, quase sempre, em tomadas de decisão equivocadas.

Portanto, contar com um gerenciador financeiro PJ pode dar mais precisão às suas informações ao eliminar a margem de erros humanos, o que é primordial para uma análise objetiva do seu negócio.

Ele te capacita a efetuar o planejamento e a execução de ações que sejam realmente eficientes para o alcance dos objetivos mercadológicos do seu empreendimento.

Dentre tantos gerenciadores financeiros, podemos citar alguns que são líderes de mercado, como o Rupee, o Keruak Software, e a Superlógica.

No momento de escolher e implementar um gerenciador financeiro PJ para o seu negócio, leve em conta todos esses aspectos apresentados.

Avalie o custo-benefício diante do tamanho do seu empreendimento, assim como a reputação do prestador de serviço escolhido.

Todo o cuidado tomado te ajuda a prevenir maiores problemas do que aqueles causados pela ausência desse tipo de sistema dentro da sua empresa e do seu controle financeiro.

Vale lembrar que os gerenciadores permitem o estabelecimento de metas. Assim, a cada economia, mostrada pela mudança no padrão de consumo, o sistema irá indicar o progresso da economia.

Essa funcionalidade é responsável por te manter você cada vez mais motivado. Com isso, economizar deixa de ser uma tarefa custosa.

Após organizar as dívidas e cortar gastos, o seu orçamento terá uma folga. Colocando tudo em dia, é importante iniciar a economia de uma reserva de emergência, que pode ser bem útil com imprevistos.

Depois, basta você traçar objetivos maiores e o seu controle financeiro se tornará cada dia mais parte da rotina do seu negócio.

Esperamos que você tenha se atentado ao quão importante é realizar o melhor controle das suas finanças para que o seu empreendimento cresça e prospere.

E agora que você aprendeu mais sobre o tema e as suas vantagens, aproveite para conferir outras opções de gerenciador financeiro PJ em nosso site e encontrar a que melhor se enquadra ao seu negócio.